POR LEANDRO MURAD
Ficção Científica
Cartaz O Último Combate
O ÚLTIMO COMBATE
Le Dernier Combat
Luc Besson - 1983

Título original: “Le Dernier Combat”. Ano: 1983. Direção: Luc Besson. Roteiro: Luc Besson, Pierre Jolivet. Elenco: Pierre Jolivet, Jean Bouise, Jean Reno, Fritz Wepper, Christiane Krüger, Maurice Lamy. País: França. Produção: Les Films du Loup, Luc Besson, Pierre Jolivet. Fotografia: Carlo Varini. Música: Éric Serra.

Sinopse: Em um cenário desértico, provável resultado de guerra nuclear, homens mudos disputam os parcos restos da civilização. Acompanhamos de perto um deles (Jolivet), que procura o que há de mais raro e precioso no mundo de então: uma mulher. Em sua filmografia, Luc Besson passeia há décadas entre o cult e o trash, sem se afastar do gosto do grande público. Quem conhece seu cinema de ação pode estranhar esta estreia quase experimental. Em preto-e-branco e com baixíssimo orçamento, “O Último Combate” dispensa legendas e exibe cenas tão surrealistas quanto uma chuva de peixes. E, no entanto, já apresenta a essência da obra do diretor: a luta pela sobrevivência como rotina de personagens cuja peculiaridade quase grotesca torna cômico até mesmo o limiar entre a vida e a morte. Destaca-se aqui também a bela trilha sonora de Éric Serra.

92 min.