POR LEANDRO MURAD
Filme de Arte
Cartaz Acossado
ACOSSADO
À Bout de Souffle
Jean-Luc Godard - 1960

Título original: “À Bout de Souffle”. Ano: 1960. Direção: Jean-Luc Godard. Título alternativo: “Breathless”. Roteiro: François Truffaut, Jean-Luc Godard. Elenco: Jean-Paul Belmondo, Jean Seberg, Henri Jacques Huet. País: França. Produção: Les Productions Georges de Beauregard, Société Nouvelle de Cinématographie (SNC). Fotografia: Raoul Coutard. Música: Martial Solal.

Sinopse: Após cometer um homicídio, estiloso delinquente (Belmondo) tenta convencer sua garota (Seberg) a fugir com ele para a Itália. “Acossado” é o filme mais simbólico da Nouvelle Vague francesa. Sua importância vai muito além de sua qualidade: ela diz respeito à quebra de paradigmas, ao questionamento das regras, inclusive as técnicas, características marcantes da época, do movimento e, particularmente, desse diretor. Aqui estreou Jean-Luc Godard, o mais autoral dos cineastas, que aprofundaria a cada filme o seu radicalismo estético, de modo que “Acossado” ainda costuma a ser o Godard preferido dos que não gostam de Godard. É também, ao lado de “Atirem no Pianista”, de Truffaut, o filme que mais evidencia a reverência do movimento ao cinema noir americano. Não à toa, o personagem de Belmondo tem Humphrey Bogart como modelo.

90 min.