POR LEANDRO MURAD
Terror
Cartaz A Bruxa
A BRUXA
The VVitch: A New England Folktale
Robert Eggers - 2015

Título original: “The VVitch: A New England Folktale” Ano: 2015. Direção: Robert Eggers. Título alternativo: “The Witch: A New England Folktale”. Roteiro: Robert Eggers. Elenco: Anya Taylor-Joy, Ralph Ineson, Kate Dickie, Harvey Scrimshaw, Ellie Grainger, Lucas Dawson, Julian Richings, Batsheba Garnett, Sarah Stephens, Daniel Chaudhry, Axtun Henry Dube, Athan Conrad Dube. País: EUA, Reino Unido, Canadá, Brasil. Produção: Pastor and Labor, RT Features, Rooks Nest Entertainment, Code Red Productions, Scythia Films, Maiden Voyage Pictures, Mott Street Pictures, Pulse Films, Very Special Projects, Daniel Bekerman, Lars Knudsen, Jodi Redmond, Rodrigo Teixeira, Jay Van Hoy. Fotografia: Jarin Blaschke. Música: Mark Kroven.

Sinopse: Nova Inglaterra, século XVII. Banido de seu povoado, um homem (Ineson) vai viver com sua família em uma terra isolada. Quando seu filho mais novo (os bebês Dube) desaparece, todos começam a temer as terríveis forças que parecem vir da sinistra floresta em cuja margem sua nova casa se encontra. De forma impecável, “A Bruxa” transporta para a tela a atmosfera de terror religioso do período em que “caça às bruxas” era mais que uma metáfora. O resultado é indubitavelmente assustador, além de um primor de representação estética gótica. Por quase toda a fita, a narrativa se equilibra ambiguamente entre o explícito e o imaginário, mas faz finalmente sua escolha. É de se questionar se a opção abraçada tornou a obra mais ou menos incômoda, visto que, para as pessoas da época e lugar retratados, os demônios da mente talvez fossem mais indesejáveis que os reais.

92 min.