POR LEANDRO MURAD
Terror
Cartaz O Solar Maldito
O SOLAR MALDITO
House of Usher
Roger Corman - 1960

Título original: “House of Usher”. Ano: 1960. Direção: Roger Corman. Títulos alternativos: “The House of Usher”; “The Fall of the House of Usher”; “A Casa de Usher”; “A Queda da Casa de Usher”. Roteiro: Richard Matheson, Edgar Allan Poe (conto “A Queda da Casa de Usher”). Elenco: Vincent Price, Mark Davis, Myrna Fahey, Harry Ellerbe. País: EUA. Produção: Alta Vista Productions, Roger Corman. Fotografia: Floyd Crosby. Música: Les Baxter.

Sinopse: Viajante (Damon) vai à Mansão Usher para encontrar sua amada (Fahey). Mas, ao conhecer o irmão dela, Roderick Usher (Price), ele fica sabendo de uma terrível maldição de família. Até 1960, Roger Corman era conhecido apenas por sua filmografia repleta de terrores/sci-fis com monstros e invasões do espaço (estilo que, diga-se de passagem, ele domina com maestria). Mas aqui se iniciou sua maior colaboração para o cinema: “House of Usher” é o primeiro de uma série que, sem abandonar sua maior característica (o baixo orçamento), constituiu um horror de raro refinamento. Os filmes reuniam o diretor, o astro Vincent Price e o insuperável texto de horror de Edgar Allan Poe (adaptado por roteiristas como Richard Matheson e Charles Beaumont). Com o sucesso deste primeiro, seguiram-se: “A Mansão do Terror/Pit and the Pendulum” (1961), “Obsessão Macabra/Premature Burial” (1962, com Ray Milland substituindo Price), a excelente antologia “Muralhas do Pavor/Tales of Terror” (1962), “O Corvo/The Raven” (1963, versão bem-humorada do poema, com direito a seleção terrorífica no elenco), “O Castelo Assombrado/The Haunted Palace” (1963, um H.P. Lovecraft disfarçado de Poe), “A Orgia da Morte”/“The Masque of the Red Death” (1964) e “O Túmulo Sinistro/The Tomb of Ligeia” (1964).

79 min.